Arquivo por Autor

18 jul 2016

Shampoo Pracaxi & Andiroba Cativa Natureza

Shampoo Pracaxi & Andiroba Cativa Natureza

Esse shampoo da Cativa me dividiu muito, pois eu nunca tinha experimentado um shampoo que não espuma e me frustava quando tinha pressa, rs. A composição é maravilhosa com insumos orgânicos e o perfume é algo que nunca senti na minha vida, uma perfeição Textura cremosa e cor bege transparente. Eu demoro muito pra lavar o cabelo e por isso preciso passar 2 ou 3 vezes shampoo pra lavar bem, e foi isso que me irritou nesse shampoo.

Shampoo Pracaxi & Andiroba Cativa Natureza

Sou uma pessoa prática e vocês já me conhecem, sou pouco vaidosa pra usar esses produtos de beleza muito elaborados ou demorados, portanto esse shampoo não facilitou a minha vida. Eu gostaria de me dar o tempo de um banho gostoso e demorado, mas eu não consigo, sério! Eu tenho ansiedade e tudo na minha vida precisa ser simples e sucinto. Apesar disso, eu amei o perfume e o meu cabelo ficava limpo e disciplinado como não fica com outros shampoos. Não sei se ele pode ser usado como no ou low poo, mas vou deixar a lista de ingredientes no final do post.

Shampoo Pracaxi & Andiroba Cativa Natureza

Eu adorei a textura dos meus cabelos e o cheiro suave, mas duradouro que ele deixa, porém pro meu estilo de vida onde busco coisas práticas e rápidas, ele não foi legal. Na primeira lavagem eu não conseguia espalhar bem e tinha que colocar mais shampoo em cada parte da minha cabeça, já na segunda lavagem eu já conseguia espalhar melhor e sentir a limpeza profunda, as vezes precisava de uma terceira lavagem. Acho que é um produto pra quem tem mais calma, rs.

Shampoo Pracaxi e Andiroba (à venda por R$ 40,00)

Associação de tensoativos suaves e ingredientes orgânicos, como pracaxi, andiroba e extratos naturais de Aloe vera e Erva mate orgânica, promovem limpeza eficaz sem agredir os fios, deixando-os macios e hidratados.

Composição: glyceryl caprylate, *Melaleuca alternifolia (leaf) water, lauryl glucoside, *Pentaclethra macroloba seed oil, *Carapa guainensis oil, glycerin, potassium sorbate , aqua, Aloe Barbadensis (leaf) Extract, dehydroxanthan gum, *Ilex paraguariensis leaf Extract, disodium cocoyl glutamate/sodium cocoyl glutamate, aqua, citric acid, Pogostemon patchouli oil, Cananga Odorata flower oil, Limonene, Linalool e Eugenol. 71,5 % de insumos orgânicos rastreados

Juliana Urquisa Postado por Tags:
3 Comentários
12 jul 2016

Clarice – Novidades e Fotos

clarice005

Os primeiros meses de Clarice e Duke conosco foram desafiadores, vou focar em Clarice nesse post porque foi a mais difícil. No final de maio levamos os dois pra um check-up num veterinário de bairro com custo mais padrão, infelizmente o hemograma apresentou alteração em quase tudo nos deixando bem preocupados. O veterinário receitou Promun-Cat (suplemento vitamínico pra fortalecer o organismo), Vitamina C e Doxy Suspensão (antibiótico pra infecção). Voltamos 15 dias depois pra refazer o hemograma e continuou muito alterado. O veterinário ficou preocupado com os leucócitos e plaquetas muito baixos (e todo o resto que também estava fora dos padrões) e nos encaminhou pra um especialista em gatos. Pelo valor das plaquetas (contagem de menos de 50, quando deveria ser mais de 230) seria necessário transfusão de sangue.




clarice002 clarice003

Corremos com os hemogramas pra clínica especializada em gatos, onde o valor da consulta custa o dobro dessa que levamos inicialmente. A primeira coisa que a veterinária fez foi um novo hemograma que, PASMEM, estava perfeito, exceto por uma infecção indicada no aumento da contagem dos bastonetes. O tratamento foi feito com Zitrex (antibiótico) combinado com um xarope para enjoo e solicitou um ultrassom abdominal onde não foi detectado nenhum problema. Voltamos 15 dias depois pra refazer o hemograma e a infecção foi tratada, porém deu leucopenia que é quando a contagem de leucócitos está baixa, deveria ser à partir de 5.500 e estava em 4.000. O tratamento foi com Filgrastim com injeções subcutâneas que tive que dar em casa, CREIA! Medo demais de fazer algo errado, mas consegui. O ideal seriam 7 dias, Clarice só deixou 5 e cada dia era mais difícil, parece que ela ia desenvolvendo técnicas ninja pra não deixar eu aplicar a injeção e a cada dia que passava ela ficava melhor nisso, rs. Voltamos pra refazer o hemograma e AMÉM as 5 aplicações resolveram e a contagem de leucócitos subiu pra 6.000.

clarice001 clarice004

Quando finalmente parecia que estava tudo maravilhoso, nessa última consulta foi percebido uma sensibilidade estranha na coluna de Clarice, algo que não tínhamos notado em todas as outras consultas… E a veterinária achou melhor nos encaminhar pra um especialista em neurologia felina e fazer um raio-x da coluna pra mostrá-lo, também receitou Cronidor (remédio pra dor). O remédio não surtiu muito efeito, fiz exames de toque em casa e a sensibilidade persistia. Na consulta com o neuro o mesmo fez diversos procedimentos, fiquei apenas observando sem saber direito se estava tudo bem. Ao final ele sentou comigo e explicou que as respostas não foram satisfatórias, em diversos exercícios motores ela não respondeu como deveria, o que sugere uma lesão na coluna que pode ser um linfoma ou meningite. O veterinário pediu uma tomografia e análise de liquor pra saber exatamente o que é, porém esses dois exames são caríssimos e no momento precisamos nos recuperar financeiramente pra então fazê-los e também levar Duke nessa clínica especializada em gatos, pois como ela é mais cara tivemos que escolher quem levar primeiro e de acordo com os exames alterados da primeira clínica Clarice era quem estava precisando com mais urgência. Sem falar que Duke ainda precisa ser vacinado e castrado.

Clarice está bem, anda, corre, pula e não reclama de dor nas atividades cotidianas, exceto quando é tocada na coluna na parte da lombar aplicando um pouco de força, como uma massagem. Os exames são necessários porque o quanto antes se descobrir algo mais sério, maiores são as chances de sucesso no tratamento, ou melhor seria se der negativo e isso for apenas uma sensibilidade dela, uma coisa normal, sabe? Vamos torcer por isso.

clarice006

Fui colocando tudo no cartão e quando parei pra fazer as contas se dava pra fazer a tomografia levei um susto! Pensando numa solução pra quitar essa dívida (somando tudo desde a primeira clínica veterinária de bairro até o especialista em neurologia felina, remédios, consultas e exames, está em pouco mais de mil e quinhentos reais) e continuar com a luta fiz uma rifa on-line onde o cupom custa 10 reais e o prêmio é um vale compras no valor de 200 reais na Loja Vegaria, o primeiro empório totalmente vegano do Nordeste. O sorteio será no dia 7 de agosto. A rifa é válida apenas pra Recife pra que a pessoa vá na loja usar seu cupom 🙂

Esses foram os acontecimentos dos últimos 2 meses, rs. O que vocês acharam da rifa? É uma boa ideia? Vocês comprariam se morassem aqui em Recife? Se você mora em Recife, ajuda aí 😀

* Não medique seu animal de estimação sem consultar um veterinário antes.

Juliana Urquisa Postado por Tags:
5 Comentários
04 jul 2016

[Sorteio] Livro de Poesias: (Sem) Você – Iago Alves da Silva

Depois de um tempo parado o blog voltou com um mimo pra vocês! Um sorteio de um livro de poesias escrito por um amigo da época da escola. Fiquei super feliz quando vi a postagem dele no face divulgando o seu livro e já garanti o meu e também um pra sortear pros meus leitores. Eu como Pernambucana faço questão de valorizar e divulgar o que é feito aqui e fico mais feliz em compartilhar algo feito por amigos 😀




Aberto por uma Cordilheira, fechado por uma Muralha e com uma Floresta nel mezzo del camin, o proto-poeta de Iago Alves se enclausura no mundo-seu-quarto e guerreia com as palavras. Fechar-se é, todavia, o tormento do poeta. Sua essência é falar e falar é mostrar-se, revelar-se, desnudar-se e isso, não raro, desespera o poeta, sobremodo o jovem proto-poeta.

Sorteio Livro de Poesia (Sem) Você de Iago Alves da Silva

Pra participar basta preencher o formulário abaixo onde os únicos itens obrigatórias são: Informar um e-mail e curtir a fanpage do blog no facebook. Pra adicionar mais cupons basta seguir os passos que se abrirão quando preencher os itens obrigatórios, como seguir no twitter, instagram e twittar sobre o sorteio 😉

Regras:

O vencedor receberá um e-mail e deverá responder em até 3 dias corridos, caso contrário será realizado um novo sorteio;
O livro será enviado em até 3 dias úteis após a confirmação por e-mail do ganhador e coleta endereço;
O produto será embalado com os devidos cuidados. O blog não se responsabiliza por extravios por parte dos correios, ou danificação do produto no processo de entrega por parte dos correios;
A promoção começa em 04/07/2016 e termina em 05/08/2016;
O prêmio só será enviado para endereço no Brasil.

a Rafflecopter giveaway

Boa sorte 😉

Juliana Urquisa Postado por Tags:
6 Comentários
13 jun 2016

E depois disso tudo, como continuar?

13jun2016---australianos-prestam-homenagens-em-sydney-as-vitimas-do-tiroteio-ocorrido-na-florida-eua-o-primeiro-ministro-australiano-malcolm-turnbull(2)
Imagem: Rick Rycroft/AP

Que péssimo dia pra trabalhar, que péssimo dia pra viver, péssimo dia pra ser humana. Como deixar esse sentimento de tristeza e incapacidade de mudar o mundo de lado e simplesmente viver? A minha mente está cheia de pensamentos ruins sobre as pessoas, está cada dia mais difícil manter a fé na humanidade. Não encontro uma saída, não existe mais esperança dentro de mim.

O que aconteceu ontem, o que aconteceu mês passado, o que acontece há anos e diariamente é de me partir em mil pedaços. Eu continuo tentando me juntar notícia após notícia, mas quanto mais o tempo passa menos eu consigo sorrir. A verdade é que lidar com a sociedade vem sendo uma árdua tarefa de uns anos pra cá. Evito conversar, evito pessoas. Infelizmente a maioria das pessoas que convivo não são as pessoas que eu gostaria de ter do meu lado durante a maior parte do meu dia. Infelizmente tenho que conviver com gente machista, homofóbica, etc na maior parte do meu tempo e isso está me destruindo por dentro.

Eu só queria gritar pra todo mundo calar a boca e observar um pouco ao redor, ler uma poesia, estudar um bom livro, abrir a mente e o coração pra esse mundo maravilhoso em que vivemos e que ESTAMOS DESTRUINDO! Como as pessoas são mesquinhas e só pensam em ter mais tempo em ir pro cinema, em ir numa loja comprar o celular mais novo, em ter o carro 0 km… Eu só estou cansada disso tudo e queria sumir agora, sumir pra uma praia deserta e apenas respirar sem nada na minha mente, sem esse sentimento horrível no peito e esse nó na garganta… Não, eu não queria ir sozinha pra lá, eu queria levar todo mundo que se sente como eu, que queria sumir como eu e que se sente como eu em relação às pessoas.

Como continuar sendo fútil depois de tudo isso? Como continuar conversando merda depois de tudo isso? Como continuar olhando nos olhos de pessoas machistas e homofóbicas que TEMOS que conviver diariamente? Alguém me ajuda, porque eu não sei mais 🙁

Juliana Urquisa Postado por Tags:
9 Comentários
10 jun 2016

Dicas de Presentes para o Dia dos Namorados

Domingo é o dia dos namorados, que bom que esse ano caiu no final de semana, hahaha. Vocês sabem o que vão dar pros seus amores? Pra quem ainda está na dúvida, fiz uma listinha com lojas bem bacanas pra inspirar vocês:

wishlist4

Óculos escuro – Manglier
A manglier tem óculos da marca Antyeto e também de fabricação própria. Pra quem gosta de inovar e surprender, os modelos feitos à mão de madeira são uma ótima opção.

Bolsa pra bike e de costas – Modelaria
Quem namora bikemaníaco como eu pode dar essa bolsa pra guidom de bicicleta, amei essa na cor verde militar. Aproveita e compra algo pra você também, eu ia amar essa na cor goiaba.

Bermuda feita com matéria prima 100% reciclada – Tiê Moda Sustentável
Descobri recentemente e Tiê e as roupas são feitas de material reciclado! Babei na proposta e seria um presente incrível, né? Tem roupa pra homem e pra mulher.

Bota Plateossauro – Vegano Shoes
Ou qualquer outro sapato da loja, tem sapato social, bota, coturno, sapatilha, tênis, etc. Me amarro no estilo dessas botinhas.




Cosméticos e Maquiagem – Lola Cosmetics / Lush
Gel de banho, cremes pro corpo e pra massagem, batom, esmalte. Quem tem um amor bem vaidoso pode se jogar nas opções, com certeza vai deixar o(a) companheiro(a) feliz.

Câmera analógica ou Instantânea – A Maquininha / Fujifilm
A Maquininha personaliza as câmeras analógicas e tornam o presente ÚNICO, a fujifilm possui o modelo instax tipo polaroid toda fofinha e de diversas cores. Pra quem namora alguém louco por fotografia 🙂

Escova rotatória – Diversas marcas
Esse item está na minha wishlist e é um dos produtos mais desejados do UNIVERSO. Se você namora alguém com cabelo comprido e que curte fazer uns ajustes nas madeixas, nada mais justo do que dar uma dessas pro seu amor perder menos tempo na frente do espelho kkkkkkk

Espero que tenham gostado. Lembrando que presei por compartilhar marcas que fazem produtos à mão e veganos (exceto os eletrônicos) 😉

Veja o post com as dicas de 2015!

Feliz dia dos namorados!

3 Comentários
09 jun 2016

13 Passos para reduzir seu lixo diário

garbage-can-1111448_1920
Imagem: Pixabay

Toalhinha na bolsa

Essas toalhinhas são super fáceis de encontrar e baratas. Ando sempre com uma dentro da bolsa pra secar as mãos após lavar, assim evito de usar papel toalha.

Não peça a sua via do cartão

Ô papelzinho inútil, viu! Quando passamos algo no cartão em débito ou crédito recebemos aquela 2ª via pro nosso controle pessoal, mas gente hoje em dia podemos acessar tudo pela internet, smartphone, e é uma inutilidade isso. Alguns comerciantes perguntam se você quer a 2ª via, diga que não, simples assim. Eu sempre digo logo após digitar a senha. Confiro o valor pago no visor e pronto, menos 1 papel.

Cancele correspondências

Fatura de cartão de crédito é algo facilmente acessado e pago pela internet, a correspondência não tem necessidade nenhuma exceto pra comprovação de residência, pra essa finalidade você pode usar outra conta. Se você pagar suas contas pela internet, cancele todas as correspondências em papel e deixe apenas 1 pra comprovação de residência se necessário, como água ou energia.

Composteira

O ideal é evitar ao máximo desperdiçar alimentos, mas caso seja necessário pesquise sobre as composteiras. É uma forma simples e eficiente de transformar seu lixo orgânico em adubo em casa. Se necessário jogar “fora” realmente, utilize sacolas de plástico biodegradável.




Coma no local

Evitando delivery e “levar pra comer em casa” você também evita usar descartáveis. As embalagens delivery geralmente são feitas de isopor, plástico ou papel.

Leve sua caneca/garrafa

No trabalho, faculdade, academia ou na rua é sempre bom ter seu próprio copo pra não precisar usar copos descartáveis. Quando vou passar o dia andando pela rua ou shopping, sempre levo uma garrafinha de água, assim também evito de ter que comprar água na rua e descartar mais uma garrafa plástica.

Você realmente precisa de guarda-napo/papel toalha?

Tente comer sem se sujar, coma devagar e também vai ajudar na sua digestão. No final da refeição pense bem: Você realmente precisa de guarda-napo? Raramente eu preciso e acho que a maioria das pessoas usa porque é automático. O mesmo serve pra papel toalha, opte por panos de limpeza, e palito de dente, ESCOVE OS DENTES kkkkk

Produtos de higiene pessoal

Podem ser comprados de gente que faz artesanalmente, alguns usam embalagens retornáveis de vidro e devolvendo a embalagem na compra de um novo existe um desconto. Shampoo, sabonete, pasta de dente, etc.

Sal do saleiro

Evite usar aqueles saquinhos de sal que se popularizou atualmente nos restaurantes. Cada porção que usar estará descartando lixo desnecessariamente. Prefira usar sal do saleiro, assim não gera lixo e é só repôr no potinho quando acabar.

Leve seu tupperware

Algumas lojas à granel já estão preparadas pra vender nos potes dos clientes e assim evitar de colocar mais plástico no mundo. Imagina cada item comprado será mais um saquinho plástico pro lixo. Você também pode levar seu pote quando for buscar almoço e evitar de usar as embalagens descartáveis dos restaurantes.

O futuro é das ecobags

SEMPRE ande com uma ecobag na bolsa, elas são essenciais. Se não tiver uma, analise se realmente você precisa de uma sacola plástica pra um saco (de papel) de pão, ou pra uma caixa pequena de remédio que caberia facilmente no bolso ou na bolsa. Tenho uma ecobag gigante que levo quando vou fazer feira e cabe quase toda a feira dentro, depois é só tirar do carrinho e tacar na mala do carro. Uma maravilha.

Priorize embalagens recicláveis

Tem que comprar e não tem outro jeito? Prefira sempre o produto que possui embalagem reciclável ou que seja possível comprar o refil. Assim mesmo gerando lixo, essa embalagem vai entrar num ciclo e voltar pro consumidor reciclada.

Recicle

Existem produtos que a gente tem que comprar e não tem pra onde correr, então recicle, recicle TUDO que você puder. Leia as embalagens, separe corretamente e diminua 90% do lixo que iria pros depósitos a céu aberto.

Veja 5 Dicas para você começar a reciclar seu lixo.

3 Comentários
07 jun 2016

7 on 7 – Uma Cor: Azul

Em maio iniciei esse projeto junto mais 6 blogueiras e expliquei melhor no primeiro post. Esse mês o tema escolhido foi cores, cada pessoa poderia escolher uma cor pra fotografar usando-a da forma que quisesse. Eu escolhi o azul, apesar de não ser minha cor favorita, foi a que me deu mais ideias. As fotos foram tiradas à noite porque queria estudar mais a câmera nesse horário, formas de como eu conseguiria melhorar a iluminação. Percebi que ainda preciso estudar muito mais hahaha Mas vamos ver as fotos ;D

7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul
7 on 7 de junho - Cor Azul

1. Câmera analógica – Apesar de ter vários itens na foto, eu queria mostrar a minha nova câmera analógica, uma civica personalizada artesanalmente por um moça aqui de Recife. Vale a pena conferir a loja on-line que é só amor ♥
2. Quadro pra organização – Yoga às quartas e sextas em casa, essa era a intenção. É bom ter a foto pra ver se o foco volta xD
3. Filtro dos sonhos – Comprei numa viagem e acho lindo. Tentei pegar os detalhes em azul na foto.
4. Medalha – Um ângulo diferente, passando por dentro do pneu da bicicleta.
5. Duke – A bolinha do arranhador azul.
6. Caneca de chá – Caneca de Doctor Who que dei de presente pro marido. Ela tem a parte interna azul.
7. Clarice – A charmosinha deitada na cadeira azul.

Espero tirar fotos melhores no mês que vem. Acho que o tema também me deixou muito presa, difícil, limitou minha criatividade. O bom desse projeto é isso mesmo, sair da zona de conforto e tentar, né? Apesar da dificuldade eu estou adorando explorar as novidades do mundo da fotografia e também conhecer melhor a minha câmera 🙂

Gostaram? Qual foi a sua foto preferida?
Não deixem de ver as fotos das outras meninas que também participam do projeto 😉

mecativaste queroseralice rastrosmeus entremigasblog nicolioliveira cantinhodavick

Juliana Urquisa Postado por Tags:
Comentários
23 maio 2016

Look do dia – Caveiras + Ahimsa

Eu amo roupa preta e caveiras, fato, e essa roupa tem totalmente o meu estilo! Nunca tinha feito essa combinação de peças e fiquei apaixonada. Raramente uso essa blusa porque não saímos mais pra lugares que ela combine, mas que besteira, né? Terminei usando pra ir pro cinema e gravar o vlog com o Bora Veganizar, rs. Nunca tinha usado coturno assim por fora da calça e achei bem estiloso.

lookdodia001

A blusa foi comprada no Ebay há alguns anos atrás. Depois que me tornei vegana não compro mais coisas da China por causa da forma de produção e as polêmicas sobre trabalho escravo. Não vou me aprofundar no assunto, mas isso daria um post que talvez no futuro eu traga pro blog.

lookdodia002

O coturno é da Ahimsa, marca vegana de sapatos, já fiz post sobre eles aqui no blog. É muito confortável e resistente.

lookdodia003

Quando uso alguma roupa assim com bastante estampa, prefiro acessórios simples como esse brinco com pedra preta. De maquiagem só um pó, blush, brilho labial e rímel.

Look do dia - Caveiras + Ahimsa

Esse é o meu ankh, o mais bonito que já vi 🙂 É um xodó e quase sempre está no meu pescoço.

lookdodia005
lookdodia006
Look do dia - Caveiras + Ahimsa

Calça: Handara | Blusa: Ebay | Coturno: Ahimsa | Brincos: Renner

E aí, gostaram do look? 😀

Juliana Urquisa Postado por Tags:
7 Comentários
20 maio 2016

Receita de Pãozinho de Batata Doce com Chia

Pãozinho de Batata Doce com Chia

Essa receita é bem parecida com o falso pão de queijo (vegano) que já trouxe aqui, só muda um pouco a quantidade dos ingredientes, mas ela pode ser feita igualzinha ao pão de queijo substituindo a batata inglesa por batata doce e adicionando a chia. Fica muito gostoso, saudável e pros fitness de plantão ótimo pra comer antes ou após o treino e até no lanchinho da tarde.

Ingredientes

2 xícaras de chá de batata doce cozida e amassada (500 g) * Espere friar apenas no ponto que não queime a mão.
1 1/4 xícara de chá de polvilho doce
3/4 xícara de chá de polvilho azedo
1/2 xícara de chá de água
1/4 xícara de chá de azeite (60 ml)
1 colher de sopa de chia
1/2 colher de sopa de sal




Pãozinho de Batata Doce com Chia

Modo de Preparo

1. Coloque a chia de molho na água por 15 minutos;
2. Misture todos os ingredientes numa tigela até obter uma massa homogênea. Adicione temperos se preferis, como orégano e alecrim;
3. Faça bolinhas não muito grandes e leve pra assar em forno médio pré-aquecido por mais ou menos 30 minutos ou até estarem corados e rachados.

Pãozinho de Batata Doce com Chia
Pãozinho de Batata Doce com Chia

Facílimo de fazer! Comi com tofu e chá de hibisco à noite, por isso as fotos não ficaram muito legais, afinal não deu pra guardar pro outro dia, hahaha!

Receita: Tips4Life

2 Comentários
19 maio 2016

Resenha A Política Sexual da Carne de Carol J. Adams

A_POLITICA_SEXUAL_DA_CARNE_1344426450BA Política Sexual da Carne – A Relação Entre o Carnivorismo e a Dominância Masculina
Autora: Carol J. Adams
Ano: 2012
Páginas:n352
Editora: Alaúde

Publicada pela primeira vez no Brasil, esta edição comemorativa de 20 anos traz o texto de uma das principais referências teóricas para a compreensão e o estudo das influências de uma sociedade patriarcal nos hábitos alimentares e na relação de seus membros com as mulheres e os animais. É impossível ficar indiferente à tese defendida por Carol J. Adams de que a matança de animais e a violência contra a mulher estão intrinsecamente ligadas. Mais que pregar uma dieta sem carne, esta obra polêmica e provocadora promete estimular as reflexões e os debates necessários para que se construa um mundo mais igualitário.

Terminei de ler esse livro faz algumas semanas, mas confesso que tive medo de escrever algo sobre ele e não ser à altura. É como escrever uma resenha sobre algo que nem sei explicar, com certeza vou reler um dia, encaro essa obra como uma bíblia pro feminismo e vegetarianismo e foi uma bagagem tão grande de conhecimento no decorrer da leitura que ainda tento digerir todo o aprendizado.

A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

Carol J. Adams conseguiu reunir relatos e história real, a bibliografia é gigante constando todas as referências, então é impossível fechar o livro e pensar algo como “Nossa, que viagem” porque infelizmente, é tudo real, é história. A autora faz uma análise sobre como o feminismo e o vegetarianismo sempre estiveram de mãos dadas, como as feministas mais citadas da história foram vegetarianas, mas esse aspecto nunca aparece em suas biografias.




A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

A ligação entre o patriarcado, a política sexual por traz do consumo da carne, os homens elevados ao posto de líderes do lar e da sociedade. O domínio daqueles que se alimentam de determinada forma e como o vegetarismo veio ganhando forças nos últimos 100 anos. Como após a segunda guerra mundial o vegetarianismo cresceu e no que isso interferiu na vida das pessoas. As mulheres e sua relação com a carne e o dever de preparar a comida dos homens, a sexualização dos animais e a animalização das mulheres frente ao controle do sexo masculino são assuntos abordados por Carol.

A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

Uma das coisas mais interessantes foi quando Carol mostra os livros antigos que tratavam o consumo da carne de forma sutil. Grandes escritores e estórias que eu jamais tive conhecimento que determinados personagens eram vegetarianos (como Frankestein que é vegetariano na obra e nunca tinha lido nada sobre isso) e como isso influiu na sociedade. Passei a ver as propagandas e certos comentários do dia a dia de forma diferente, como se tivesse aberto a mente pras entrelinhas postas à nossa mesa diariamente. Carol precisou correr muito atrás e pesquisar em bibliotecas e com os amigos e familiares das pessoas que ela escreveu porque a maioria das coisas não está disponível facilmente na internet, principalmente como as feministas estavam ligadas diretamente a causa animal. Entendi que oprimidos entendem oprimidos e as mulheres antigamente (hoje ainda somos oprimidas, mas antigamente bem mais) compreendiam a causa animal em sua maioria e sempre estavam em protestos tanto pessoalmente, como entre seus amigos e onde elas escrevessem.

Uma boa reflexão também é a forma como o homem está intrinsecamente ligado à morte, tanto com a caça, como com as guerras, e as mulheres à vida. O poder de gerar uma vida interfere diretamente na forma como as mulheres lidam com a vida. Um exemplo interessando no livro é: Quando uma mulher vê um animal ferido na floresta, ela pensa em cuidá-lo, enquanto que o homem pensa em matá-lo. Estou falando no contexto histórico, claro que os homens vem evoluindo muito, mas historicamente falando os homens sempre foram aqueles que devem caçar, que não sentem pensa, que devem ser os machos, que vão pras guerras, etc.

A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

O livro também traz várias citações de feministas, médicos e escritores. Separei alguns:

“Para ser feminista, a mulher precisa primeiro se tornar feminista. As feministas não percebem coisas diferentes das percebidas pelas outras pessoas; elas percebem as mesmas coisas, de maneira diferente. A consciência feminista, posso arriscar dizer, transforma um ‘fato’ numa ‘contradição'”.
– Sandra Li Bartky

“Quase não há seres humanos no curso da história que tenham morrido por um disparo feito por uma mulher; a imensa maioria dos pássaros e feras foi morta por vocês, não por nós.”
– Virgínia Woolf em Sociedade das Excluídas

“O homem andava com o animal, inquilinos do mesmo teto;
A mesma mesa ele tinha, e a mesma cama;
Nenhuma morte o vestia, nenhuma morte o nutria.”

– Alexander Poper em Éden

“Tinha tido o prazer, pelo menos, de morrer de morte natural.”
– Margareth Drabble em A Era do Gelo quando um faisão morre de ataque cardíaco.

“Acho que você devia perguntar quem começou a comer carne, e não quem recentemente a dispensou.”
– Plutarco em resposta a alguém que lhe pergunta por que Pitágoras se abstinha de comer carne.

“Por que você me pede para lhe dar satisfação por comer decentemente?”
– Bernard Shaw ao ser indagado por que era vegetariano.

“Eu poderia lhe dizer agora que sou vegetariana, mas vamos deixar isso de lado. Não vou entrar nas razões. Se você não as entende, não há muita coisa para dizer; e, se as entende, não preciso dizer nada.”
– Lynn Meyer em Thriller de Bolso

A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

Comprei o livro no VegFest e consegui o autógrafo da autora, legal porque foi na semana do meu aniversário e foi um presente e tanto. Carol viaja o mundo dando palestras sobre esse e seus outros dois livros (The Pornography of Meat e Living among Meat Eaters) que ainda não foram trazidos pro Brasil. Eu tinha uma leve noção de que o vegetarianismo e feminismo estavam interligados por causa do facebook e como as fêmeas das outras espécia são oprimidas, exploradas e estupradas diariamente pro prazer culinário, muito mais do que os machos, mas esse livro traz um contexto histórico desde quando nós mesmas, mulheres humanas tínhamos mais conhecimento disso e éramos mais empáticas com relação à isso.

A Política Sexual da Carne - Carol J. Adams

Percebo que no decorrer dos anos o feminismo se distanciou do vegetariano, infelizmente, talvez isso se deva aos avanços sociais e ao distanciamento da carne em si como animal da sociedade, o meio rural se distanciou do meio urbano e isso contribuiu pra alienação sobre como e de onde vem a carne e como ela é produzida. Li algumas resenhas criticando o livro e uma maioria elogiando. Pra mim é um livro obrigatória pra todas as pessoas, homens, mulheres, vegetarianos ou não. Ele abre os olhos, destaca hábitos inconscientes do ser humano tornando-os questionáveis, ou seja faz a gente pensar e tudo que abre a nossa a mente é bom pra sociedade em geral. Mas principalmente pras mulheres por ter um contexto em que elas estão inseridas como oprimidas e pra conhecimento sobre feminismo e vegetarianismo.

Juliana Urquisa Postado por Tags:
1 Comentário